Comentários

A história é um aspecto muito importante de qualquer obra, incluindo nos games. Uma experiência com uma grande narrativa intensifica os sentimentos e torna a jogatina muito mais imersiva, interessante. Já falamos aqui sobre a importância da narrativa nos games e agora vamos citar as 5 melhores na nossa opinião, dentro dos consoles PS4 e PS5.

A lista abaixo não tem uma ordem, apenas contempla os melhores jogos nesse aspecto, na nossa opinião. Importante citar também que todos os games estão disponíveis em ambas as plataformas, a maioria com versões melhoradas para PS5, inclusive.

Death Stranding

Faltando menos de um mês para a chegada da Director’s Cut, falar de Death Stranding é interessante. Hideo Kojima sempre vai ficar marcado por inúmeros jogos de qualidade e com um aspecto “maluco” em suas narrativas. Em Death Stranding, não é diferente. O jogo entrega possivelmente a história mais complexa de todas que já joguei, mas na mesma intensidade consegue juntar todos os pontos de maneira magnífica.

Em construção de personagens, o jogo vai muito bem. A direção e o roteiro também são impecáveis. É difícil falar de histórias sem citar spoilers, mas todas as surpresas e a forma como tudo se encaixa é de um nível para um Oscar. Considero Death Stranding a história que comecei mais em dúvida, joguei em dúvida e quando terminei, uma mistura de satisfação com deslumbre foram os sentimentos. Vale muito entrar de cabeça nessa narrativa.

Red Dead Redemption II

Confesso que, como a maioria de todos os players, o hype para Red Dead Redemption II era imenso. Entretanto, a história não era o que mais me chamava atenção. O tamanho do mundo aberto, quantidade de atividades e, é claro, a qualidade visual do game, faziam com que os olhos brilhassem.

Engano meu e de muitos. A história do jogo consegue ser um ponto tão forte quanto os demais, se não for o principal. Fazer uma história boa é difícil, conduzir uma então por mais de 60 horas de gameplay, bem complicado. RDR2 conseguiu e na construção do seu protagonista foi sublime. Arthur Morgan é, na minha opinião, o melhor protagonista de games já criado. E sua história, que passa por evolução, alcança justamente a… Redenção.

The Last of Us Part II

Corajoso, polêmico e único. Adjetivos para The Last of Us Part II são muitos e sua história sem dúvida é o que guia seu sucesso. Antes do jogo, Neil Druckmann, hoje um dos presidentes da Naughty Dog e diretor do game, disse que queria “um jogo que dividisse opiniões”. Bom, nem precisa falar do resultado, né?

Não citarei de forma clara a decisão mais polêmica do início do game, mas muitos irão saber. De qualquer modo, a forma como se utiliza a dualidade, ponto de vista diferente e a intensidade de tudo isso junto, é incrível. É o jogo mais intenso que já joguei e que a história mais me pegou, abalou. Sua lição é a perda e a quebra de expectativas. Tudo que desejamos acontecer, diria que não acontece e mesmo assim a qualidade é indiscutível.

Horizon Zero Dawn

Para Horizon Zero Dawn, tenho alguns pontos interessantes nessa trajetória. Na primeira vez que joguei, foquei na gameplay e não tanto para a história, anos atrás… Tempos depois, fui jogar novamente e prestei mais atenção, inclusive lendo com cuidado os documentos tão importantes no game. A história é sensacional.

É tão incrível pois trata de um assunto que é real, possível. Todo aquele cenário que acontece no futuro tem um background que não é mal explicado ou simplesmente de ficção, o embasamento seja para o universo do jogo quanto para as motivações da protagonista são muito bem construídos. É impressionante e vale a pena prestar atenção nos detalhes, garanto que mudará a gameplay.

Life is Strange

Estamos nos aproximando do lançamento de mais um Life is Strange. Mesmo assim, o primeiro dos games é até então o mais marcante. Um jogo que não tinha foco na gameplay e nem no seu visual, conseguiu ser marcante para muitas pessoas, um sucesso de crítica e de vendas.

Life is Strange possibilita escolhas e destinos diferentes. Você pode salvar personagens ou estes podem morrer. Também, inúmeras ações tem peso e mudam a história como um todo, inclusive o seu final, que existe mais de uma opção. É possível sentir o carinho colocado nessa produção, acompanhada de uma trilha sonora que da alma a tudo que acontece. É emocionante e indispensável.

Se trata, é claro, de uma lista subjetiva. Cito para PS4 e PS5 pois todos estão disponíveis para ambos, por mais que não tenha um exclusivo da nova geração.



Comentários